• Compartilhar no Google+

Estou aqui novamente, trazendo um pouquinho de conhecimento (que nunca é de mais) para você. Hoje resolvi falar um pouco sobre a Inovação que tanto prego com você.

É inovação para cá, inovação para lá, já percebeu o tanto que se fala em inovação? Acredito que sim, eu mesmo fico pregando este assunto sempre com você, rs. Me atrevo a dizer que hoje ela é o fator decisivo para o crescimento e sobrevivência de qualquer negócio.

Mas devemos entender que Inovação não é sair por aí desenvolvendo um app revolucionário que irá lhe render um milhão de reais, e é nesse ponto que as empresas se perdem. A inovação também acontece em pequenos processos, produtos, modelos de gestão até na comunicação.

Para inovar você precisa estar aberto ao novo. Ter a disposição para engajar as pessoas e fazer disto um processo contínuo. E lembre-se de que errar fazer parte do processo. 

 Vou mudar o contexto de  Thomas Edison, mas  inovar é meio que 1% de inspiração e os 99% de transpiração. Depois da inspiração inicial, é hora de trabalhar exaustivamente na ideia, como fizeram Thomas Edison e Santos-Dumont.

Agora é hora se sujar as mãos, arregaçar as mangas ou colocar uma roupa de banho e mergulhar de cabeça no projeto, estudando o mercado, calculando as viabilidades, entender a necessidade dos usuários ou pessoas envolvidas… analisar todas as variáveis que fazem parte do seu objeto de estudo.

Anota isso que estou te contanto, Prototipar.

Achou que seria fácil ? Nunca foi! Mas vou lhe dar uma dica, a Endeavor desenvolveu um e-book sobre a Gestão da Inovação que você confere aqui. Espero que ele te ajude. Mas sempre que precisar conte a gente para lhe auxiliar nos processos de inovação do seu negócio.